IGK vai beneficiar organizações em 83 cidades com o FAPS Bepantol Baby

Uma iniciativa inédita do Instituto Guga Kuerten em parceria com Bepantol Baby vai viabilizar a evolução para bebês e crianças em Santa Catarina. O IGK lançou no dia 10 de agosto, a primeira edição do FAPS BEPANTOL BABY que promove apoio técnico e financeiro para as organizações que atendem crianças até seis anos com deficiência na Grande Florianópolis, Planalto Serrano e Sul do Estado. A área de abrangência da ação envolve 83 municípios catarinenses.

Foi com base no trabalho já desenvolvido pelo Instituto Guga Kuerten no FAPS (Fundo de Apoio a Projetos Sociais) que a edição FAPS BEPANTOL BABY foi implantada. No projeto original o IGK beneficia entidades que garantem atendimento para a pessoa com deficiência, no FAPS BEPANTOL BABY o público infantil será  exclusivamente favorecido, com a construção de salas de estimulação e equipamentos que possam colaborar com  o desenvolvimento dos bebês e das crianças.

A primeira etapa do FAPS BEPANTOL BABY envolve o lançamento do programa  em Palhoça. No encontro as organizações foram instruídas  sobre o prazo para entrega dos projetos, até o dia 08/09, com solicitações de até R$ 16 mil. Na sequência  os projetos serão avaliados pelo Comitê Avaliador, formado por profissionais ligados ao IGK e à Bayer. As organizações selecionadas no processo recebem os recursos até o final de novembro. Além do investimento financeiro, as instituições contam com suporte técnico. O IGK organiza visitas periódicas para entregar a comunicação visual e promover a capacitações sobre gestão e questões pedagógicas.

“É muito bom ter um parceiro que tenha uma história de batalha para ir sempre além. Todo o cuidado que a gente tem o Bepantol Baby se identifica com a forma como o Instituto Guga Kuerten trabalha”, explica André Mendes, responsável pelo marketing da Bepantol Baby que participou do lançamento da
ação que reuniu mais de 50 entidades na Grande Florianópolis.